Perdigao

On the morning of March 21, a fire broke out at a massive slaughterhouse operated by the Perdigão company in the city of Rio Verde (Goiás state). Nobody was hurt in the fire. The slaughterhouse, one of the largest in Latin America, has the capacity to kill over 2 million birds and 25,000 pigs a week.

Although the cause of the fire is still being investigated, the Ativismo activist collective received a message from the ALF claiming responsibility (rough translation):

"After more than one year of study and planning and a few weeks surviving in the harsh reality of a slaughterhouse that kills 500,000 birds a day, we reached our goal. The theft of 500,000 lives, stolen as a result of corporate greed and consumer ignorance, stopped, even if only temporarily.

You can blame us for putting at risk the lives of workers, but our action was as efficient as our planning, preventing any loss of human lives.

You can say that this will affect the economy and the families of farmers and workers, but what we did was save the lives of 500,000 birds for each of the nine days that the factory was out of operation.

You can invent a cause and argue that the fire was not an act of sabotage, but what matters is the result and nothing more. If we were interested in recognition for our actions, we would not be a group that operates in anonymity.

You can increase your security, but you will never be sure that you're safe. We have made sure that the doors will always be open for those who have a good reason to enter.

You can not hide and you can not stop us (this was only the beginning).

We are scattered all over the world and act independently and decentralized. This means that whatever happens, you will never prevent us from action; to prevent an individual will not prevent others.

For those who do not know, the ALF is considered the number 1 terrorist threat in the USA. Our actions aim to destroy the companies and individuals who profit from farming animals and to expose the reality that is hidden from the population.

We are very pleased with the result, despite having been forced to delay the date of our action one day later than planned, because March 20 is celebrated throughout the world as a day without meat. This was our way of commemorating the date, but that's not all. During the weeks we had the privilege of being inside this company (you can look, you will not find us), we had the opportunity to document some facts with photos, videos and photocopies, which will be released to selected institutions at the appropriate time.

Today and always, we strive to live in freedom.

ALF - Animal Liberation Front"

Perdigao

Original Portuguese:
"Referente ao incêndio na fábrica da Perdigão em Rio Verde, Goiás, 21/03/09:

Depois de mais de um ano de estudo e planejamento e algumas semanas sobrevivendo à dura realidade em se estar presente em um local degradante como é o ambiente de um frigorífico que mata 500 mil aves por dia, atingimos o nosso objetivo. O furto diário de 500 mil vidas, roubadas como conseqüência da ganância empresarial e da ignorância dos consumidores, terá uma pausa, ainda que momentaneamente.

Vocês podem nos acusar de ter colocado em risco a vida dos trabalhadores, mas a nossa ação foi tão eficiente quanto o nosso planejamento, poupando assim a perda de vidas humanas.

Vocês podem dizer que com isso afetamos a economia das famílias dos criadores e trabalhadores locais, mas o que fizemos foi poupar a vida de 500 mil aves a cada um dos nove dias em que a fábrica ficou fora de operação.

Vocês podem inventar as causas que quiserem para alegar que esse incêndio não foi um ato de sabotagem, mas o que nos importa é o resultado obtido e nada mais. Se estivéssemos interessados em algum reconhecimento pelas nossas ações, não seríamos um grupo que atua em anonimato.

Vocês podem elevar o nível de segurança, mas vocês jamais terão a certeza de que estão seguros. Já nós teremos sempre a certeza de que as portas se mantêm abertas para aqueles que têm um bom motivo para entrar.

Vocês não podem se esconder e vocês não podem nos deter (esse foi apenas o começo).

Estamos espalhados por todo o mundo e agimos de forma independente e descentralizada. Isso significa que aconteça o que acontecer, vocês jamais poderão nos impedir de agir, pois impedir a um indivíduo não impedirá aos outros.

Para aqueles não nos conhecem, a ALF é considerada a ameaça terrorista doméstica número 1 nos EUA. Nossas ações visam destruir o patrimônio de empresas e indivíduos que lucram com a exploração animal e expor a realidade que é escondida da população.

Estamos muito satisfeitos com o resultado inicial, apesar de termos sido obrigados a atrasar a data da nossa ação (ah, a fritadeira...) em um dia além do planejado, já que no dia 20 de março comemora-se em todo o mundo o
Dia Mundial Sem Carne. Essa foi a nossa forma de comemorar a data, mas isso não é tudo. Durante as semanas em que tivemos o privilégio de estarmos abrigados nessa destacada empresa (podem procurar, vocês não vão encontrar), tivemos a oportunidade de documentar alguns fatos na forma de fotos, vídeos e fotocópias, o que será divulgado aos órgãos selecionados quando o momento for apropriado. Aliás, estamos procurando desde já veículos de imprensa interessados no pequeno dossiê que temos para apresentar.

Hoje e sempre, lutaremos até que todos vivam em liberdade.

ALF - Frente de Libertação Animal"